Cientistas criam app capaz de detectar o câncer de pele

Desenvolvido por pesquisadores americanos, app para iPhone em fase de testes alcançou taxa de acerto de 85% na detecção de casos de câncer de pele
 (EXAME.com)
(EXAME.com)
S
Saulo Pereira GuimarãesPublicado em 08/05/2014 às 17:52.

São Paulo - A cada dia, surgem apps para tablets e smartphones com novas e inusitadas funcionalidades. Entre as mais recentes, está a capacidade de ajudar na detectação do câncer de pele.

Desenvolvido por pesquisadores da Universidade de Houston, o DermoScreen é um app para iPhone e alcançou taxa de acerto de 85% na detecção de casos da doença.

A novidade está em fase de testes e foi criada pela equipe do engenheiro George Zouridakis.

"Nossa pesquisa está focando em analisar o uso do app para avaliação de risco e como uma ferramenta de triagem para detecção precoce de melanomas", afirmou Ana Ciurea, dermatologista envolvida no projeto.

Lentes dermoscópicas

Getty Images

 

Para funcionar, o DermoScreen depende de lentes dermoscópicas - que devem ser acopladas ao smartphone e custam cerca de 500 dólares.

Segundo Zouridakis, o app auxilia mas não substitui o médico na hora de confirmar diagnóstico do câncer de pele.

Em desenvolvimento desde 2005, o DermoScreen está sendo pensado para áreas rurais e países em desenvolvimento.

http://cf.datawrapper.de/nxG5Y/1/

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde, mais de 2 milhões de casos de câncer de pele são registrados todos os anos.

Ainda segundo o órgão, um em cada três pacientes diagnosticados com a doença morre.