Tecnologia

Advanced Tourer Concept freia sozinho ao detectar colisão

Carro conta com portas que abrem verticalmente e terá sistema de segurança que freia ou diminui a velocidade automaticamente

Subaru Advanced Tourer Concept (Divulgação)

Subaru Advanced Tourer Concept (Divulgação)

Gabriela Ruic

Gabriela Ruic

Publicado em 6 de dezembro de 2011 às 06h36.

Última atualização em 18 de outubro de 2016 às 08h51.

São Paulo – A nova geração de peruas esportivas será marcada por uma frente agressiva, linhas laterais fortes e bem delineadas, portas dianteiras que abrem na vertical e portas traseiras do tipo suicida, que abrem para trás. Bom, pelo menos é o que idealiza a Subaru em seu recém-revelado Subaru Advanced Tourer Concept, apresentado no Salão de Tóquio.

O carro parece ter saído direto de um filme de super-heróis para o estande da montadora no Japão. O ar futurista do veículo vai além do seu design, que também conta com teto completamente envidraçado. O carro conta com monitor acoplado ao volante, e que permite o acesso a mapas, televisão, internet e GPS.

Tantos elementos interativos localizados justamente no volante. Um convite ao desastre? Não necessariamente, pois também vai contar com a versão mais moderna do EyeSight System – que detecta objetos ou pessoas em rota de colisão com o veículo e lançado pela montadora em 2010. A atualização do sistema vai fazer o automóvel parar quando a diferença de velocidade entre ele e o objeto de colisão for de até 30 km/h. Mas caso esteja se movimentando mais rápido que isso, o New EyeSight System vai diminuir a velocidade do veículo. 

Apesar de contar com a palavra “concept” no nome, o que geralmente significa que o carro ainda está longe de virar realidade, as chances de que o Subaru Advanced Tourer chegue em breve ao mercado são boas, provavelmente em 2013.

Acompanhe tudo sobre:ÁsiaAutoindústriaCarrosCarros high techCarros importadosJapãoPaíses ricosSalões de automóveisTokyo Motor ShowVeículos

Mais de Tecnologia

Uber apresenta instabilidade no app nesta sexta-feira

Zuckerberg diz que reação de Trump após ser baleado foi uma das cenas mais incríveis que já viu

Companhias aéreas retomam operações após apagão cibernético

O que faz a CrowdStrike, empresa por trás do apagão cibernético

Mais na Exame