Casagrande deixa a TV Globo após 25 anos

Casagrande anúncio em sua conta do Instagram que o seu ciclo no grupo de esportes da Globo acabou e que saída será um "alívio para os dois lados"
Casagrande: O ex-jogador disse que sua saída será um "alívio para os dois lados" (fabio rocha/tv globo/Divulgação)
Casagrande: O ex-jogador disse que sua saída será um "alívio para os dois lados" (fabio rocha/tv globo/Divulgação)
D
Da Redação

Publicado em 06/07/2022 às 16:27.

Última atualização em 06/07/2022 às 16:56.

O comentarista e ex-jogador de futebol Walter Casagrande anunciou nesta quarta-feira, 6, que está deixando a TV Globo.

Após 25 anos na emissora carioca, Casagrande publicou um vídeo na sua conta do Instagram falando que o seu ciclo no grupo de esportes da Globo acabou. "Olá pessoal. Vim aqui para avisar vocês, que depois de 25 anos de TV Globo, seis Copas do Mundo, com cinco finais incluindo a de 2002 com os dois gols do Ronaldo, três Olimpíadas e diversas finais de campeonato por aí, meu ciclo acabou. Tô saindo da Globo hoje, não faço mais parte do grupo de esporte da TV e vou seguir minha estrada", disse.

O ex-jogador disse que sua saída será um "alívio para os dois lados". Segundo o portal Notícias da TV, o contrato do comentarista com a Globo terminaria em dezembro, mas a saída foi antecipada em comum acordo.

Em nota, a Globo afirmou que apesar do fim da parceria entre a emissora e Casagrande "suas análises estarão para sempre marcadas no almanaque das transmissões de futebol da televisão brasileira".

Ídolo do Corinthians, Casagrande atuava como comentarista esportivo desde sua aposentadoria dos gramados. Ele começou na ESPN em 1996 e logo foi para a Globo. O ex-jogador é conhecido por se posicionar sobre questões políticas em seus comentários.

Recentemente, o Globoplay lançou uma série documental sobre a vida do comentarista. Em "Casão - Num jogo sem regras" com absoluta franqueza, o craque do Corinthians conta como começou a usar drogas, da cervejinha e do baseado ocasionais para a heroína injetada no braço, e a gigantesca dificuldade para se livrar do vício.

LEIA TAMBÉM: 

Os demônios de Casagrande: filme na Globoplay mostra luta contra vício