Vale conclui acordo com Norsk Hydro sobre ativos de alumínio

Empresa fará transferência da participação total da mineradora na Albras, Alunorte e Companhia de Alumina do Pará

São Paulo - A Vale anunciou nesta segunda-feira a conclusão da venda, divulgada em maio de 2010, de seus ativos de alumínio para a norueguesa Norsk Hydro.

O acordo prevê a transferência da participação total da mineradora na Albras, Alunorte e Companhia de Alumina do Pará (CAP), além dos respectivos direitos de exclusividade, contratos comerciais e dívida líquida de 655 milhões de dólares, pelos quais a Vale receberá 22 por cento das ações ordinárias em circulação da Hydro e 503 milhões de dólares em dinheiro após ajustes, conforme documento enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A Vale anunciou ainda a criação de uma nova empresa, a Mineração Paragominas, tendo vendido 60 por cento da mina de bauxita Paragominas para a Hydro por 578 milhões de dólares. Os 40 por cento remanescentes serão pagos em duas parcelas iguais em 2013 e 2015, de 200 milhões de dólares cada.

"De acordo com os termos do acordo, a Vale, através de suas subsidiárias integrais, transferiu para a Hydro 51 por cento do capital total da Albras; 57 por cento do capital total da Alunorte; 61 por cento do capital total da CAP; e venderá 60 por cento do capital total da Paragominas. A Vale permanecerá com 40 por cento do capital até que seja integralmente vendido em 2015", afirma o comunicado.

A Vale subscreveu 447.834.465 ações da Hydro, cerca de 3,5 bilhões de dólares, conforme cotação de fechamento dos papéis da companhia norueguesa na sexta-feira. O acordo determina que a Vale não poderá vender suas ações durante o período de dois anos, além de não poder aumentar sua participação na Hydro além dos 22 por cento.

"A combinação dos ativos da Vale e da Hydro criará uma das maiores e mais competitivas companhias produtoras integradas de alumínio, com potencial de crescimento e acesso a grandes reservas de bauxita, acesso a energia com custos competitivos e know-how tecnológico", acrescenta o documento.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.