Startup Talent Academy vence desafio da Meta Ventures e vai receber até R$ 1,5 milhão

Fundada em 2018, a plataforma permite que as organizações levantem dados sobre o perfil de seus colaboradores. Saiba mais
Talent Academy é a startup vencedora da 3ª edição do Bring Your SaaS (Meta/Divulgação)
Talent Academy é a startup vencedora da 3ª edição do Bring Your SaaS (Meta/Divulgação)
I
Isabela Rovaroto

Publicado em 27/09/2022 às 19:04.

Última atualização em 27/09/2022 às 20:04.

A Meta Ventures, corporate venture capital da Meta, anunciou nesta terça-feira, 27, as três startups vencedoras da 3ª edição do Bring Your SaaS, iniciativa com foco em selecionar e reconhecer startups com alto potencial de crescimento.

A Talent Academy, plataforma de Sucesso do Colaborador, é a vencedora dessa edição. Fundada em 2018 pelos irmãos Mauricio e Renata Betti e Jaqueline Padilha, a plataforma permite que as organizações levantem dados sobre o perfil de seus colaboradores.

Assine a EMPREENDA, a nova newsletter semanal da EXAME para quem faz acontecer nas empresas brasileiras

O desafio Bring your SaaS foi criado em 2020 e já deu destaque e oportunidades para mais de 200 startups, de 16 estados diferentes, além do Distrito Federal.

Além da Talent Academy, Uppoa e Eva People, na segunda e terceira posição respectivamente, podem receber até R$ 1,5 milhão em investimentos da Meta Ventures, além de mentorias, treinamentos e oportunidades de conexão com o ecossistema de clientes da empresa, com fundos investidores e aceleradoras.

Como funciona a Talent Academy

A plataforma permite que as organizações levantem dados sobre o perfil de seus colaboradores, como fatores motivacionais, impacto desejado, competências e performance de cada um, através de ferramentas de assessment e people analytics.

Após esse levantamento, a plataforma sugere trilhas de desenvolvimento baseadas nas necessidades individuais das pessoas, de forma 100% customizada, com conteúdos curados nas melhores fontes do mundo.

Na última etapa, a plataforma gera insights e recomendações, mostrando os principais fatores que impactam engajamento, produtividade e turnover de pessoas.

"Hoje temos cerca de 40 organizações-cliente ativas, incluindo empresas globais de diferentes setores como Oracle, Raízen, JLL e DSM. Mais de 40 mil pessoas usam a nossa plataforma", diz Maurício Betti, co-founder & CEO da Talent Academy.

A ferramenta também é utilizada na Falcons University, braço educacional da Gerando Falcões, que ajuda mais de 20 mil alunos de comunidades no seu desenvolvimento profissional.

De acordo com o CEO, o prêmio será direcionado ao crescimento da plataforma. "Nosso foco será na área comercial e na área de tecnologia. Além disso, queremos nos tornar referência no tema de futuro do trabalho, levando nossa visão de futuro para o maior número de pessoas no Brasil e no mundo", conclui.

VEJA TAMBÉM: 

Fintech de crédito consignado recebe investimento de R$ 135 milhões liderado pelo BTG Pactual

Com sede em Salvador, empresários criam aceleradora de startups com foco no Nordeste

De tokenização de ativos imobiliários a cannabis: Grupo Bloxs abre captações inéditas