Regulador investiga compra do Canal+ pela Telefónica

Regulador da concorrência na Espanha abriu uma investigação sobre a aquisição da Distribuidora de Television (DTS), do grupo Prisa

Madri - O regulador da concorrência na Espanha, CNMC, disse nesta quinta-feira que abriu uma investigação sobre a aquisição da empresa de TV paga Distribuidora de Television (DTS), do grupo Prisa, pela Telefónica.

Em maio, o grupo Prisa concordou em vender 56 por cento da DTS, conhecida como Canal+ na Espanha, para a Telefónica, em um acordo que daria à operadora total controle sobre o grupo de TV.

"O acordo entre Telefónica/DTS poderá reduzir significativamente a competição nos mercados relacionados à TV paga, conteúdo audiovisual e serviços de comunicações eletrônicas", disse a CNMC em comunicado.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.