• AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
  • AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
Abra sua conta no BTG

Prejuízo líquido da CPFL Renováveis diminui 49,1% no 2º trimestre

A receita líquida do grupo ficou em R$ 415,036 milhões entre abril e junho, praticamente estável (+0,7%) ante o segundo trimestre do ano passado
CPFL: Despesas com imposto de renda e contribuição social cresceu 34,6% na mesma comparação, para R$ 18,69 milhões (Exame/Silvia Zamboni)
CPFL: Despesas com imposto de renda e contribuição social cresceu 34,6% na mesma comparação, para R$ 18,69 milhões (Exame/Silvia Zamboni)
Por Estadão ConteúdoPublicado em 09/08/2018 19:42 | Última atualização em 09/08/2018 19:42Tempo de Leitura: 2 min de leitura

São Paulo - A CPFL Renováveis registrou um prejuízo líquido de R$ 36,54 milhões no segundo trimestre deste ano, montante 49,1% menor em relação à perda de R$ 71,8 milhões anotada em igual etapa de 2017. No acumulado do ano, o resultado líquido ficou negativo em R$ 109,06 milhões, montante 13,7% menor que o verificado em igual etapa do ano passado.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização), por sua vez, apresentou avanço de 14,7% entre abril e junho, na comparação com os mesmos meses do exercício anterior, para R$ 255,8 milhões, enquanto a margem Ebitda cresceu 7,5 pontos porcentuais, para 61,6%. No semestre, o Ebitda totalizou R$ 483,5 milhões, alta de 5,2%.

A receita líquida da geradora de energia renovável do grupo CPFL Energia ficou em R$ 415,036 milhões entre abril e junho, praticamente estável (+0,7%) ante o segundo trimestre do ano passado. Em seis meses, a receita somou R$ 798,58 milhões, alta de 2% na comparação com o mesmo período do ano passado.

O resultado financeiro líquido, por sua vez, correspondeu a uma despesa líquida de R$ 119,1 milhões no segundo trimestre, 7% menor ante os R$ 128 milhões anotados um ano antes. Já as despesas com imposto de renda e contribuição social cresceu 34,6% na mesma comparação, para R$ 18,69 milhões.

Veja Também

Opep não consegue cumprir meta de produção em setembro
Economia
Há um ano • 2 min de leitura

Opep não consegue cumprir meta de produção em setembro

Um de cada cinco clientes da CPFL dá adeus às contas de papel
Apresentado por CPFL
Há um ano • 4 min de leitura

Um de cada cinco clientes da CPFL dá adeus às contas de papel