Murilo Ferreira deve assumir a Vale em 22 de maio

Indicação ainda deve ser aprovada pelo conselho de administração da empresa

São Paulo – Murilo Ferreira foi indicado, nesta segunda-feira (4/4), para a presidência da Vale. Sua posse, porém, deve ocorrer apenas em 22 de maio, segundo comunicado da Vale enviado à imprensa na noite de hoje.

Segundo a nota, sua indicação ainda precisa ser aprovada pelo conselho de administração da Vale “em reunião a ser convocada e realizada oportunamente.”

O texto ainda cita que Ferreira foi “indicado pelos acionistas controladores a partir de uma lista tríplice preparada por uma empresa internacional de seleção de executivos, em conformidade com as normas e o estatuto da Valepar.” A nota não menciona, porém, que consultoria de headhunting foi contratada para a tarefa. Tampouco cita os candidatos que concorreram com Ferreira ao posto.

Embora o clima entre Roger Agnelli, o presidente que está de saída, e os controladores da Vale tenha azedado com as manobras do executivo para continuar no cargo, a nota à imprensa cumpre o ritual de agradecê-lo pelos serviços prestados.

No texto, lê-se que “os acionistas da Valepar reiteram seu reconhecimento ao Roger Agnelli pelo sucesso na condução da Vale nesses últimos anos, contribuindo para que a Vale alcançasse a posição de destaque que desfruta atualmente, no país e no exterior.”

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.