Negócios

Eletrobras deve apresentar reestruturação na quinta

Companhia pretende readequar os seus custos à nova realidade de mercado gerada pelo processo de renovação condicionada das concessões


	Torre de energia elétrica: uma das possibilidades em análise é a venda de distribuidoras de eletricidade federalizadas sob o controle da estatal
 (Matt Cardy/Getty Images)

Torre de energia elétrica: uma das possibilidades em análise é a venda de distribuidoras de eletricidade federalizadas sob o controle da estatal (Matt Cardy/Getty Images)

DR

Da Redação

Publicado em 27 de março de 2013 às 11h33.

Brasília - A Eletrobras deverá apresentar o seu plano de reestruturação na quinta-feira, na mesma coletiva de imprensa em que comentará sobre o balanço financeiro de 2012 a ser divulgado após o fechamento do mercado nesta quarta-feira, informou uma fonte com conhecimento do tema.

Mais cedo, o presidente da empresa, José da Costa Carvalho Neto, já havia informado a jornalistas que o plano de reestruturação da companhia seria analisado na reunião do Conselho de Administração nesta quarta-feira.

A Eletrobras pretende readequar os seus custos à nova realidade de mercado gerada pelo processo de renovação condicionada das concessões na área de geração e transmissão de energia.

A renovação leva a empresa a uma perda de receita anual estimada em 8,7 bilhões de reais.

Uma das possibilidades em análise é a venda de distribuidoras de eletricidade federalizadas sob o controle da estatal, que acumulam prejuízos. Na semana passada, uma fonte do governo afirmou à Reuters que as primeiras empresas com potencial para serem vendidas são a Cepisa (PI) e Ceal (AL), por serem mais atrativas.

Acompanhe tudo sobre:EletrobrasEmpresasEmpresas estataisEnergiaEnergia elétricaEstatais brasileirasEstratégiagestao-de-negociosHoldingsServiços

Mais de Negócios

Smart Fit compra rede de estúdios Velocity por R$ 183 milhões

Do gim ao jambu: duas marcas de bebidas alcoólicas se unem e miram receita de R$ 5 milhões

Vem aí a terceira edição do Ranking EXAME Negócios em Expansão

Nos 30 anos do Real, Mercado Pago lança cédula celebrativa

Mais na Exame