Negócios

Duratex firma parceria austríaca Lenzing para fábrica de celulose solúvel

Investimento total previsto para obra de nova planta industrial é de cerca de US$ 1 bilhão, e início de produção está previsto para 2022

Duratex: joint-venture e construção de fábrica fazem parte de ações da companhia para reduzir sua dependência do setor (./Divulgação)

Duratex: joint-venture e construção de fábrica fazem parte de ações da companhia para reduzir sua dependência do setor (./Divulgação)

R

Reuters

Publicado em 21 de junho de 2018 às 19h29.

Última atualização em 21 de junho de 2018 às 21h44.

São Paulo - A Duratex anunciou nesta quinta-feira acordo para a formar uma joint-venture com o grupo austríaco Lenzing no projeto de construção de uma fábrica de celulose solúvel que terá investimento total de cerca de 1 bilhão de dólares.

Segundo a Duratex, a decisão faz parte de estratégia da companhia, maior produtora de painéis de madeira para construção civil do país, de reduzir sua dependência do setor, que atravessa fraco crescimento.

A decisão final de construção da fábrica, porém, só ocorrerá no segundo semestre do próximo ano, após estudos de viabilidade e aprovações de autoridades regulatórias. O início de produção está previsto para 2022.

Acompanhe tudo sobre:DuratexInvestimentos de empresasJoint-venturesMateriais de construção

Mais de Negócios

Sentimentos em dados: como a IA pode ajudar a entender e atender clientes?

Como formar líderes orientados ao propósito

Em Nova York, um musical que já faturou R$ 1 bilhão é a chave para retomada da Broadway

Empreendedor produz 2,5 mil garrafas de vinho por ano na cidade

Mais na Exame