Dia do Empreendedor: 11 dicas para começar um negócio de sucesso

Para comemorar o Dia do Empreendedor, a EXAME reuniu dicas de fundadores e CEOs de grandes marcas. Confira
 (Morsa Images/Getty Images)
(Morsa Images/Getty Images)
I
Isabela Rovaroto

Publicado em 05/10/2022 às 14:21.

Última atualização em 05/10/2022 às 14:43.

O Dia Nacional da Micro e Pequena Empresa (MPE), também conhecido como Dia do Empreendedor, é comemorado nesta quarta-feira, 5 de outubro.

A data foi criada com base no Estatuto da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte. Em resumo, a lei nº 9.841 rege o funcionamento das micro e pequenas empresas do país.

Assine a EMPREENDA e receba, gratuitamente, uma série de conteúdos que vão te ajudar a impulsionar o seu negócio.

O setor é responsável por 72% dos empregos gerados no país somente no primeiro semestre de 2022, chegando a 30% do produto interno bruto (PIB). No total são 18,5 milhões de pequenos negócios, de acordo com o Sebrae.

Para comemorar o Dia do Empreendedor, a EXAME reuniu dicas de fundadores e CEOs de grandes marcas. Confira: 

1. Inteligência emocional

O sócio-fundador e diretor operacional da rede de academias C4 Gym, Cesar Bertolo, acredita que para conseguir gerir uma empresa é preciso ter inteligência emocional para lidar com os desafios do dia a dia, ser um bom líder e ter clareza na comunicação para que toda a equipe esteja sempre alinhada com o propósito e objetivos da empresa.

“Também é importante servir de exemplo positivo para todos os colaboradores, gerando empatia e engajamento de todos, além de trazer sempre inovações e ficar atento com as mudanças de mercado, saber ouvir seu time e estar aberto a novas ideias. Essas são algumas dentre inúmeras outras características e habilidades”, destaca.

2. Persistência

Já para Marize Vanzin, CEO e sócia-fundadora da Zero Açucar, rede de moda fitness, praia e casual, as principais habilidades que um CEO deve ter para ficar à frente de um negócio são persistência, foco e gostar de desafios, já que empreender sempre é desafiador.

“São muitas as dificuldades que o empreendedor encontra e se não for persistente e muito focado acaba desistindo. Minha dica é: se você quer empreender, lembre-se que dificuldades vão surgir, mas somente com foco e persistência vai conseguir superá-las. Também é fundamental ter bom relacionamento e saber trabalhar com as pessoas", explica Marize.

Dia do Empreendedor: veja dados e eventos para celebrar as PMEs do país

3. Prioridades

O dr. Edson Ramuth, fundador da Emagrecentro, rede de emagrecimento saudável e estética, ressalta três características importantes para quem deseja empreender: foco e constância, que possibilita uma melhor avaliação e definição de prioridades das tarefas, além de não desistir antes do tempo previsto para ter sucesso.

“Seja assertivo em optar por um segmento que te gere prazer ao exercer suas funções diárias e tenha metas alcançáveis. Com isso, você acaba evoluindo constantemente e trazendo cada vez mais resultados para o seu negócio”, sugere.

4. Objetivos claros

O fundador e CEO da Prospecta Analytica, franquia de solução especializada em big data para prospecção de clientes das áreas de construção civil, agronegócio, saúde e business, Wanderson Leite, acredita que ser obstinado é fundamental para qualquer empreendedor.

“A obstinação faz você ficar focado no que tem que ser feito, independentemente de qualquer percalço. Nos altos e baixos do empreendedorismo, quem não é obstinado desiste na primeira volta que a roda gigante dá para baixo, por isso acredito que o principal incentivo para quem deseja desenvolver essa habilidade seja entender que não há outra opção. Quando se começa a considerar alternativas, vem a procrastinação, então, mesmo que haja sucesso e prosperidade em outros negócios, focar no que está sendo trabalhado como única opção é fundamental para o empreendedor”, afirma Wanderson.

66 franquias baratas para empreender a partir de R$ 6 mil em 2022

5. Fluxo de caixa

André Oliveira, CEO e fundador da CredFácil, grupo que atua no ramo de empréstimos e financiamentos consignados. acredita que antes de ser um empreendedor é preciso ser um bom gestor, pois não adianta ser o melhor vendedor e não entender de gestão.

“Seja resiliente e persistente, toda empresa começa dando prejuízo para depois dar lucro e o fluxo de caixa da empresa é a coisa mais importante na gestão de qualquer negócio”.

6. Imprevistos

Estar preparado para mudanças rápidas é uma das habilidades que Cleyton Gonçalves, CEO da Franquia Sollar Energy, especializada em energia solar fotovoltaica, considera muito importante para um empreendedor. Ele cita ainda qualidades como versatilidade, paciência, planejamento e habilidades sociais como fundamentais para quem sonha ser dono do seu próprio negócio. O empresário conta ainda que as mudanças são constantes e acontecem muito rápido.

“No mesmo dia tudo pode mudar e temos de estar preparados para tomar decisões nem sempre suprido com todas as informações necessárias. Nesse momento, é preciso reconfigurar as estratégias”, declara Cleyton.

7. Equipe qualificada

Conhecer pessoas é uma habilidade importante, de acordo com Robson Carvalho, CEO da DinDinCred, franquia de empréstimos e financiamentos consignados.

“Precisamos treinar pessoas, pois nossos colaboradores são de extrema importância para o sucesso do negócio. Levo em consideração, no momento da contratação, o ditado: contrate caráter e treine habilidade”, conta Robson.

Casal cria hamburgueria em Jundiaí com R$ 5 mil e hoje rede fatura R$ 10 milhões

8. Transformação digital

Para Murilo Gomes, CEO da Magit, empresa de transformação digital, é fundamental para o empreendedor manter a inquietude. "Ser inquieto é ter uma mentalidade com foco na evolução constante do negócio", pontua.

Para alcançar esse mindset, o executivo indica um acompanhamento do mercado a fim de analisar riscos e oportunidades. "Desta maneira, é possível sempre encontrar uma tendência ou um ponto que precisa de aprimoramento", explica Gomes.

9. Foco no cliente

Por sua vez, Guilherme Mauri, CEO da Minha Quitandinha, rede de minimercados autônomos, acredita que o líder de uma empresa deve garantir que o cliente esteja inserido no centro do negócio.

"Atualmente, o produto ou o serviço prestado pela marca precisa ter o consumidor como protagonista. Ou seja, é preciso ouvir as suas necessidades para direcionar a operação com base nelas. Afinal, os consumidores estão sempre em busca de uma experiência de compra mais completa e personalizada", revela. Para ter um relacionamento próximo com o público-alvo, o executivo sugere investir em uma comunicação ativa. "É importante promover o diálogo desde a criação até o pós-venda, além de manter esse canal de contato aberto", finaliza.

Médica cria residencial sênior para avô com Alzheimer e hoje rede fatura R$ 43 milhões

10. Mercado

Estar antenado ao mercado é uma das habilidades primordiais a serem desenvolvidas pelos empreendedores. De acordo com Gabriel Concon, CEO da Pizza Prime, rede de pizzarias com mais de 70 unidades em todo o país, é fundamental escutar o cliente, entender o cenário econômico e conhecer o mercado no qual está inserido. Para isso, o empreendedor aconselha investir em aprimoramento profissional, independente do tamanho da sua empresa.

“Estude sempre sobre tema, seja profissional em sua gestão, mesmo que seu negócio comece pequeno, porque só o conhecimento pode auxiliar em uma boa administração”, afirma o CEO.

11. Curiosidade

Para Eduardo Ruschel, co-CEO da Sestini, franquia no segmento de malas, mochilas, bolsas e acessórios, uma das habilidades que pouco se fala, mas é muito importante, é a curiosidade.

“Ela nos leva a tentar enxergar outros pontos de vista, a fazer as perguntas certas, a buscar um aprendizado contínuo, a enxergar oportunidades onde tudo parece já bem resolvido e a entender o comportamento humano que antecede às necessidades dos consumidores”, explica. Além disso, Eduardo também acredita que observar o comportamento das pessoas, valorizar a opinião alheia e não se satisfazer com a solução que parece mais óbvia sem explorar outras são dicas valiosas para gerir uma empresa.

Como vender mais na Black Friday? Conheça 5 recomendações do Google