Companhia low-cost dos Estados Unidos poderá voar para o Brasil

Southwest Airlines é uma das principais empresas do setor e presidente confirma intenção de operar na América do Sul

O que é a Southwest Airlines? É provável que você não conheça essa companhia aérea – que é uma das principais low-cost dos Estados Unidos. Só que isso pode mudar em breve: de acordo com o presidente, a empresa está interessada em voar para o Brasil. E, caso a previsão se torne realidade, a operação deve partir do aeroporto de Fort Lauderdale, próximo a Miami, no estado da Flórida.

Em entrevista ao canal norte-americano CNBC, Gary Kelly, revelou o desejo de incluir diferentes destinos da América do Sul à malha aérea nos próximos anos. Vale lembrar que, atualmente, a Southwest Airlines opera principalmente trajetos regionais e rotas domésticas, mas também oferece trechos internacionais para Caribe e México (ambos destinos requisitados pelo turismo estadunidense).

Com 234 pedidos confirmados para o Boeing 737 MAX 7, é provável que a companhia utilize a aeronave – que tem capacidade para até 150 passageiros e autonomia de 7.130 quilômetros – nas operações com destino ao nosso país. Além disso, a frota da empresa já possui centenas de unidades do Boeing 737 NG. Para os próximos meses, também estão previstas 138 aeronaves do 737 MAX 8.

Durante a participação no programa de TV, o executivo (que será substituído pelo atual vice-presidente de serviços corporativos, Roberto Jordan, em 2022) afirmou que a principal preocupação é a capacidade de atender novas rotas e aumentar a demanda nos próximos dois anos. Esse é justamente o período no qual a renovação da frota será realizada e poderá haver reduções momentâneas.

Atualmente, a Azul Linhas Aéreas realiza voos entre o aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), e Fort Lauderdale, nos Estados Unidos, com o Airbus A330 – que tem capacidade para até 293 passageiros, ou seja, praticamente o dobro do Boeing 737 MAX 7. Vale lembrar que Gol e Latam também realizam voos regulares ao país norte-americano com partidas de diferentes cidades brasileiras.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também