Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Com vendas fracas, Dunkin' Donuts fechará 100 lojas nos EUA

Lanchonetes que terão as atividades encerradas ficam em quiosques da rede de postos de combustíveis Speedway

São Paulo - Por conta das vendas decepcionantes, a Dunkin' Donuts anunciou nesta quinta-feira (1) que vai ter de fechar cem lojas nos Estados Unidos. 

A notícia desagradou o mercado e as ações da empresa chegaram a cair 12,7%, sua maior queda diária até hoje.

No trimestre que se encerrou em setembro, as vendas das unidades abertas há mais de um ano subiram apenas 1,1%, contra um crescimento de 2% no mesmo período do ano passado.

As lanchonetes que terão as atividades encerradas são responsáveis por 0,1% das receitas totais, segundo a empresa. Elas ficam em quiosques da rede de postos de combustíveis Speedway. O fechamento dos restaurantes começará ainda este ano e deve terminar em 2016.

Apesar disso, a Dunkin' Donuts reafirmou o plano de ter de 410 a 450 novas unidades no país neste ano.

Cerca de 8.200 pontos de venda da rede de rosquinhas nos EUA são operados por franqueados, de acordo com a Reuters.

O resultado ruim, lembrou a Fortune, reflete o quanto a "guerra dos fast foods" está acirrada, com o McDonald's na briga para reconquistar o mercado e a expansão dos serviços de padaria do Starbucks.

A própria Dunkin' Donuts também busca estender sua área de atuação, com investimentos na comercialização de cafés em cápsula.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também