Caixa: há meios de implementar plano de negócios do PanAmericano

Presidente do banco acredita que o empréstimo de R$ 2,5 bi do FGC vai garantir objetivos da instituição

Brasília - A presidente da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda Coelho, afirmou hoje (23), em audiência no Senado, que como está restabelecida a condição patrimonial do Banco PanAmerico será possível implementar o plano de negócios para a instituição comprada.

Ela defendeu que, pelo fato de o Grupo Silvio Santos ter tomado empréstimos do Fundo Garantidor de Créditos (FGC) de R$ 2,5 bilhões para cobrir o rombo financeiro no PanAmericano, é possível levar adiante os objetivos com a instituição. “Há plenas condições de executarmos os planos de negócios”, afirmou. Ela acrescentou que na próxima sexta-feira (26), com a assembleia de acionistas, a Caixa assumirá a presidência do Conselho de Administração do PanAmericano.

Segundo Maria Fernanda, além das análises de empresas especializadas, houve uma avaliação da compra do Banco PanAmericano pela própria equipe da Caixa.

A presidente disse ainda que diversas instituições financeiras procuraram o banco público para fazer negócios e o PanAmericano foi o que apresentou “o melhor conjunto de sinergias com a instituição”. Ela destacou que o banco tem 20 mil pontos de atendimento, “expressivo atendimento em São Paulo, importante para o crescimento do crédito no Brasil”.

Maria Fernanda ressaltou ainda que o PanAmericano tem experiência consolidada com crédito pessoal, principalmente crédito consignado para trabalhadores do setor privado. “O PanAmericano apresentava um conjunto de sinergia que possibilita um crescimento em setores que são prioritários”.

Ela participa neste momento de audiência pública conjunta das comissões de Constituição e Justiça e de Assuntos Econômicas do Senado. O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, também participa da audiência.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.