CAF planeja fundo de investimento em energia para 2015

A proposta do novo fundo, ainda em gestação, é fomentar projetos de integração energética entre os países da América Larina

Rio - A CAF, Banco de Desenvolvimento da América Latina que atua em 18 países da região, estuda lançar em 2015 um fundo de investimentos para projetos de energia e integração regional.

A instituição apresentou nesta quinta-feira, 13, sua carteira de investimentos, atualmente em torno de US$ 18 bilhões, em evento no Rio sobre compliance, riscos e governança no setor de óleo e gás.

A proposta do novo fundo, ainda em gestação, é fomentar projetos de integração energética entre os países da região, a partir da formatação de parceria entre empresas latino-americanas e de outros países.

O esboço do projeto prevê que também os países possam participar, na forma de joint ventures, no desenvolvimento dos empreendimentos em áreas como transmissão e geração de energia, além de gasodutos.

"Nós privilegiamos e temos interesse nos projetos com países da região, que possam atuar em conjunto para estabelecer vínculos administrativos e econômicos", explicou Hamilton Moss, vice-presidente corporativo da área de Energia.

Segundo ele, o volume de investimentos do fundo será "na casa do bilhão", mas ainda não há detalhes do escopo do fundo.

Atualmente, o banco já possui em análise 12 projetos que poderiam integrar o novo fundo.

Entre as possibilidades estudadas estão iniciativas na área de energia eólica e hidráulica, além de linhas de transmissão de energia entre os países da região.

A previsão é que o fundo seja lançado somente no segundo semestre de 2015.

"A integração muitas vezes é limitada por nacionalismos, que queremos evitar", explicou Moss.

A CAF é sediada em Caracas, na Venezuela, mas tem escritórios e representações em 12 países da região.

O banco existe desde a década de 70, e possui a maior parte dos investimentos voltados para a área de infraestrutura e energia.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.