Turquia diz que EUA deixaram neutralidade com fechamento da OLP

Os Estados Unidos anunciaram ontem (10) que vão fechar o escritório da Organização para a Liberdade da Palestina (OLP) em Washington
Palestina: a Turquia questionou se os EUA podem mediar o acordo de paz (Ibraheem Abu Mustafa/Reuters)
Palestina: a Turquia questionou se os EUA podem mediar o acordo de paz (Ibraheem Abu Mustafa/Reuters)
Por EFEPublicado em 11/09/2018 11:36 | Última atualização em 11/09/2018 11:36Tempo de Leitura: 1 min de leitura

Istambul - O Ministério de Relações Exteriores Exteriores da Turquia afirmou nesta terça-feira que os Estados Unidos "perderam a posição neutra no processo de paz do Oriente Médio" com a decisão de fechar o escritório da Organização para a Libertação da Palestina (OLP) em Washington.

"A decisão é preocupante e outro indicador de que os Estados Unidos perderam sua posição neutra no processo de paz no Oriente Médio. Esta decisão não tem outro objetivo que não seja incentivar a destruição da visão de uma solução de dois Estados", afirmou o órgão em comunicado.

Os Estados Unidos anunciaram ontem o fechamento do escritório da OLP, que tratava de assuntos consulares e comerciais da Palestina no país. O governo do presidente Donald Trump tomou várias medidas que puseram em dúvida a viabilidade de um processo de paz intermediado por Washington, entre elas o reconhecimento de Jerusalém como a capital de Israel e a retirada de quase todos os fundos americanos para os palestinos.