Turistas nadam em praça de Veneza após chuva forte

Cerca de três quartos da cidade ficaram alagados depois de fortes chuvas que atingiram a região norte e central da Itália

Veneza - Cerca de três quartos da cidade de Veneza ficaram alagados nesta segunda-feira, e os turistas aproveitaram para nadar na Praça de São Marco, depois de fortes chuvas que atingiram a região norte e central da Itália, forçando 200 pessoas a deixarem suas casas na Toscana.

Lojas, casas e palácios históricos foram invadidos pelas águas da Lagoa de Veneza, e as autoridades disseram que 70 por cento da cidade, conhecida por seus canais, ficou inundada.

O nível da água alcançou 149 centímetros, o sexto mais alto desde que começaram a ser feitos registros em 1872. A inundação forçou os moradores a andar com água até a cintura. Turistas vestindo trajes de banho sentaram-se nos cafés sob a água.

Não havia estimativa de estragos na famosa cidade turística.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.