ARGENTINA x MÉXICO:

Seleções fazem jogo decisivo! Acompanhe lance a lanceVeja agora.

Transporte em Boston é paralisado após morte de suspeito

A policia também decretou toque de recolher na cidade de Watertown, onde segue a busca por um dos suspeitos do atentado da maratona
Veículo de operação especial é visto em Watertown, durante a perseguição pelos suspeitos de desencadearem as explosões durante a Maratona de Boston  (REUTERS / Lucas Jackson)
Veículo de operação especial é visto em Watertown, durante a perseguição pelos suspeitos de desencadearem as explosões durante a Maratona de Boston (REUTERS / Lucas Jackson)
D
Da RedaçãoPublicado em 19/04/2013 às 08:28.

Washington - As autoridades americanas anunciaram nesta sexta-feira a suspensão temporária do transporte na área metropolitana de Boston e decretaram toque de recolher na cidade de Watertown, onde segue a busca por um dos suspeitos do atentado da maratona.

Em entrevista coletiva, Kurt Schwartz, chefe do serviço de emergência do estado de Massachusetts, pediu aos cidadãos que não tentem utilizar transporte público hoje.

"Confirmamos com o governador (Deval Patrick) que estão suspensos todos os serviços de metrô e ônibus", disse Schwartz.

Além disso, na cidade de Watertown, onde prossegue a busca por um dos suspeitos do ataque na maratona de Boston, pediu-se aos moradores que não saiam de suas casas, não circulem em seus veículos e não trabalhem.

Estas medidas paralisam a rotina da cidade de Boston e arredores pelo menos durante esta sexta-feira.

A universidade de Harvard foi uma das primeiras a decretar fechamento "por preocupações sobre a segurança".

A Universidade de Boston, o Instituto Tecnológico de Massachusetts (MIT) e Emerson College também cancelaram suas aulas.

Durante a madruga, Boston foi testemunha de um enorme operação policial, com uma perseguição que ainda não acabou.

No final da noite de ontem, dois indivíduos identificados pelo FBI como principais suspeitos do atentado da maratona de Boston mataram, segundo todos os indícios, um policial no campus do MIT e iniciaram uma fuga em um carro roubado.

A perseguição acabou em Watertown, onde um dos suspeitos morreu e outro fugiu.

*Matéria atualizada às 8h27