Síria: 14 soldados turcos são mortos em ataques do EI

O número de baixas - o mais alto em um dia desde que as forças turcas começaram a operar na Síria em agosto - resultou de confrontos com os extremistas

Ao todo, 14 soldados turcos morreram e outros 33 ficaram feridos nesta quarta-feira (21) em confrontos com o grupo Estado Islâmico (EI) na Síria - anunciou o Exército.

O número de baixas - o mais alto em um dia desde que as forças turcas começaram a operar na Síria em agosto - resultou de confrontos com os extremistas, que incluíram três atentados com carro-bomba, de acordo com um comunicado do Exército citado pela imprensa turca.

Quatro soldados morreram em ataques lançados esta manhã, enquanto outros dez foram mortos à tarde, no momento em que as forças turcas entram em um etapa fundamental de apoio aos rebeldes para recuperar a cidade de Al-Bab. Essa localidade está sob controle do governo.

Ainda segundo o comunicado, 138 extremistas do EI teriam morrido nos embates. Não há confirmação de fontes independentes.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.