Reconciliação palestina entre Fatah e Hammas confirmada no Cairo

Mahmud Abbas vai se reunir com Khaled Mechaal, chefe da facção rival, para tentar acabar com a disputa entre os grupos

Ramallah, Palestina – O encontro entre o presidente Mahmud Abbas e o chefe do Hamas, Khaled Mechaal, para tentar finalizar a reconciliação palestina foi confirmado para quinta-feira no Cairo, apesar dos distúrbios no Egito.

“A reunião acontecerá como previsto na quinta-feira”, disse à AFP Azzam al-Ahmad, diretor pela questão da reconciliação no Fatah, o movimento de Mahmud Abbas. De acordo com ele, o presidente palestino chegará nesta terça-feira à noite ao Cairo para se reunir amanhã pela manhã com líderes egípcios, entre eles o marechal Hussein Tantaui, que governa o país.

Após o encontro será anunciada “uma data para uma reunião entre todos os movimentos palestinos no Cairo, onde tudo será discutido, incluindo o governo”, afirmou.

“A agenda da reunião foi definida e acordada sem limite de tempo entre o presidente Abbas e Khaled Mechaal. Este não é um encontro da última chance”, acrescentou Ahmad.

“Serão discutidos todos os aspectos políticos, o programa político e as perspectivas para o futuro palestino, após a paralisação do processo de paz por causa da intransigência israelense”, disse.

“A reunião tratará igualmente de todas as outras questões: a Organização para Libertação da Palestina (OLP), o governo e a superação dos obstáculos que impedem a aplicação do acordo de reconciliação”.

O líder do Hamas em Gaza, Ismail Radwane, também confirmou à AFP “a data prevista” para o encontro.

Sobre a continuidade no cargo do primeiro-ministro Salam Fayyad, rejeitado pelo Hamas, “o problema foi resolvido e agora discutiremos os critérios gerais para a escolha de um chefe de Governo em conformidade com o acordo de reconciliação”, afirmou Radwane.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.