Mundo

Já é Ano Novo na Nova Zelândia e na Austrália

Com 14 horas de fuso em relação à Brasília, Sydney abre as comemorações de 2024

Ano Novo em Sydney (Roni Bintang/Getty Images)/Getty Images)

Ano Novo em Sydney (Roni Bintang/Getty Images)/Getty Images)

Agência o Globo
Agência o Globo

Agência de notícias

Publicado em 31 de dezembro de 2023 às 10h50.

Última atualização em 31 de dezembro de 2023 às 10h56.

A Nova Zelândia já comemora o início do novo ano. Na capital, Auckland, a queima de fogos começou às 8h (horário de Brasília) na Sky Tower, com 328 metros de altura.

Em Sydney, autoproclamada “capital mundial do Ano Novo”,estimam-se mais de um milhão de participantes nas comemorações na orla marítima da cidade. Com 14 horas de diferença entre a capital australiana e Brasília, a cidade comemorou o ano novo às 10h. Neste momento, oito toneladas de fogos de artifício acendem o pavio de 2024.

Mesmo antes do anoitecer, dezenas de milhares de pessoas reuniram-se em pontos estratégicos em torno da icónica Harbour Bridge da cidade, onde o governo preparou 7 mil fogos de artifício. O público australiano enfrenta um clima excepcionalmente chuvoso.

A população mundial, agora superior a oito bilhões, despedir-se-á do velho e dará início ao novo.

Saiba como será o Ano Novo no Rio

A queima de fogos em Copacabana vai durar 12 minutos, dividido em quatro partes. Todos os detalhes do show foram simulados em computador. A trilha terá cerca de 20 músicas, entre sucessos nacionais e internacionais.

A organização deu spoilers de algumas das novidades. O público será saudado com uma versão de “Aquele Abraço”, de Gil. No céu, explodirão bombas de duas cores, conhecidas, como “halfs”.

A segunda parte será uma homenagem ao amor, que terá, entre outras canções, “Nosso Sonho”, de Claudinho e Bucheca, com fogos de desenhos de corações entrelaçados ou flechados pelo cupido.

A terceira é a de homenagem a Rita Lee.

A parte final é que deverá reunir mais efeitos inéditos. A produção batizou como “Baile no Céu”. Uma das canções que vai ditar o ritmo das explosões será “Pro Dia Nascer Feliz”, do Barão Vermelho.

A previsão do tempo na cidade do Rio de Janeiro para a hora da virada do ano é de bastante nebulosidade, com possibilidade de chuviscos e chuva fraca solada. Segundo o Alerta Rio, o município sofre a influência da entrada de umidade do oceano para o continente. As temperaturas apresentarão declínio, com mínima prevista de 19 graus e máxima de 27 graus. A principal festa de réveillon será na Praia de Copacabana, com expectativa de atrair mais de 2 milhões de pessoas. Veja quais serão as atrações.

Acompanhe tudo sobre:ano-novoAustráliaNova Zelândia

Mais de Mundo

Milei se reunirá com Macron em viagem à França para abertura dos Jogos Olímpicos

'Tome chá de camomila', diz Maduro após Lula se preocupar com eleições na Venezuela

Maduro deve aceitar resultado das eleições se perder, diz ex-presidente argentino

Macron só vai nomear primeiro-ministro após Jogos Olímpicos

Mais na Exame