Iraque rejeita decisão da Liga Árabe sobre Assad

Os países árabes também conclamaram a oposição e o Exército Sírio Livre (ESL) a formar um governo de transição, revelou o xeque Hamad

Bagdá - O Iraque rejeitou nesta segunda-feira a proposta da Liga Árabe sobre uma saída negociada para o presidente sírio, Bashar al-Assad, enquanto a Argélia emitiu suas reservas sobre a decisão, por considerar que pedir a renúncia do chefe de Estado sírio é "uma decisão soberana do povo sírio".

Os países da Liga Árabe reunidos em Doha para discutir a crise síria pediram no domingo ao presidente Assad que renuncie rapidamente ao poder para permitir uma saída segura ao país.

Os países árabes também conclamaram a oposição e o Exército Sírio Livre (ESL) a formar um governo de transição, revelou o xeque Hamad.

A Síria rejeitou a proposta, lamentando que "a Liga Árabe tenha se rebaixado a este nível perante um país membro desta instituição".

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.