A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Greve ameaça funcionamento dos aeroportos na Grã-Bretanha

Os funcionários protestam contra a reforma das pensões

Londres- As autoridades britânicas advertiram nesta quarta-feira aos viajantes sobre possíveis problemas nos aeroportos de todo o país devido à greve de funcionários convocada para esta quinta-feira contra a reforma das pensões, e que envolve os agentes de alfândega e de imigração.

Segundo a UK Border Agency, o organismo encarregado do controle de fronteiras, alfândegas e imigração, o impacto da greve será diferente nos distintos portos, aeroportos e ferrovias internacionais. As autoridades, no entanto, garantem contar com planos de contingência para minimizar os atrasos.

Cerca de 70% do pessoal da UK Border Agency - 14.000 agentes - está afiliado a um dos principais sindicatos que convocaram a greve, o Public and Comercial Services Union (PCS).

Seiscentos mil funcionários públicos britânicos estão assim convocados para uma greve nacional pouco comum para protestar contra a reforma do sistema de pensões prevista pelo governo de David Cameron, que enfrenta sua primeira paralisação nesse setor desde sua chegada ao poder em maio de 2010.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também