EUA devem alcançar teto da dívida em abril-maio

Congresso autorizou o máximo de US$ 14,3 trilhões em dívida

Washington - O limite máximo da dívida pública americana autorizada pelo Congresso (14,3 trilhões de dólares) deve ser alcançado entre 5 de abril e 31 de maio, segundo a nova estimativa do Departamento do Tesouro.

O secretário do Tesouro americano, Timothy Geithner, solicitou ao Congresso no início de janeiro a elevação do teto da dívida pública, o que deu início a uma nova batalha política sobre o grande déficit fiscal do país.

"Se não conseguirmos elevar o limite, isto precipitará uma interrupção de pagamentos dos Estados Unidos", escreveu Geithner.

"Solicito ao Congresso que atue para elevar o teto desde o início deste ano, antes que a ameaça de cessação de pagamentos se torne iminente", completou.

O Congresso elevou o teto da dívida a 14,3 trilhões de dólares em fevereiro de 2010. A dívida alcança atualmente 13,9 trilhões dólares, segundo Geithner.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também