Confiança do consumidor cai em dezembro nos EUA

Já o medidor da avaliação dos consumidores sobre as condições atuais da economia norte-americana caiu de 25,4 para 23,5

Washington – O índice de confiança do consumidor norte-americano, medido pelo Conference Board, caiu para 52,5 em dezembro, ante uma leitura revisada de 54,3 em novembro. Analistas esperavam que o indicador, divulgado hoje, subisse para 57,0.

O índice de situação presente, que representa a avaliação dos consumidores sobre as condições econômicas atuais, recuou para 23,5 em dezembro. Em novembro, a leitura foi de 25,4 após revisão. O índice de expectativa dos consumidores para a atividade econômica nos próximos seis meses diminuiu para 71,9 em dezembro, de uma leitura revisada de 73,6 no mês anterior.

Segundo Lynn Franco, diretora do centro de pesquisas de consumo do Conference Board Consumer, “apesar do declínio neste mês, a confiança do consumidor não está pior hoje do que há um ano. A avaliação dos consumidores sobre a situação atual da economia e do mercado de trabalho continua morna e a perspectiva ainda é cautelosa”.

Na pesquisa sobre a expectativa dos consumidores em relação ao emprego, o Conference Board verificou que o porcentual de entrevistados que acreditam ser difícil encontrar trabalho aumentou para 46,8% em dezembro, ante 46,3% em novembro. As informações são da Dow Jones.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.