Comportamento da China no episódio da covid-19 é lamentável, diz Pompeo

O secretário de Estado americano, Mike Pompeo, voltou a dizer que a China poderia ter evitado a pandemia de coronavírus

O secretário de Estado americano, Mike Pompeo, disse durante entrevista coletiva nesta terça-feira, 21, que o comportamento da China no episódio da covid-19 foi "lamentável" e afirmou que a pandemia "poderia ter sido evitada". As declarações foram dadas durante visita dele ao Reino Unido, ao lado do secretário das Relações Exteriores britânico, Dominic Raab.

Pompeo criticou especificamente o Partido Comunista da China, que governa o país, e também mostrou otimismo sobre a relação comercial futura como o Reino Unido, após este deixar a União Europeia.

Além disso, elogiou a "decisão soberana" dos britânicos de banir a companhia chinesa Huawei de presença na tecnologia de rede 5G no Reino Unido. Pequim acusa Londres de ceder à pressão de Washington no episódio.

"Todos precisam trabalhar junto para que todo o mundo, inclusive a China, se comporte no sistema internacional de formas que são consistentes com a ordem internacional", argumentou Pompeo.

Ele acusou a China de ameaçar outros países, de cooptar instituições, entre outros comportamentos inadequados.

Os EUA afirmam que a China age ilegalmente ao reivindicar o controle de quase todo o Mar do Sul da China e também de influência indevida na Organização Mundial de Saúde (OMS).

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.