China volta a elevar nível das reservas obrigatórias dos bancos

Aumento de 0,5% representa a terceira alta do BC no ano

Pequim - O Banco Central da China anunciou nesta sexta-feira o aumento de 0,5% da taxa de reservas obrigatórias dos bancos, a terceira alta do ano, para lutar contra o excesso de liquidez, que gera inflação.

A proporção dos depósitos que os bancos devem manter no Banco do Povo (central) aumentará a partir de 25 de março.

O aumento pretende conter o volume dos novos empréstimos que os bancos podem conceder e reduzir o crescimento do volume monetário.

As reservas obrigatórias dos bancos foram elevadas em seis ocasiões em 2010. Outras duas altas foram determinadas em 2011.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também