China: 2 estatais lucraram mais que 500 privadas em 2009

Juntas, China Mobile e PetroChina registraram um lucro de US$ 32 bilhões no ano passado

Pequim - Duas das maiores empresas públicas chinesas, a China Mobile e a PetroChina, faturaram mais do que que as 500 primeiras companhias privadas do país em 2009, segundo relatório publicado nesta segunda-feira pelo China Business News.

Juntas, as duas gigantes obtiveram lucros de 218,56 bilhões de iuanes (32 bilhões de dólares) em 2009, dos quais 115,17 bilhões de iuanes para a China Mobile e 103,39 bilhões para a PetroChina, segundo cálculos da Federação Chinesa de Comércio e Indústria.

Em comparação, as 500 maiores empresas privadas do país, classificadas por faturamento, registraram lucros acumulados de 217,95 bilhões de iuanes no ano passado.

A companhia privada chinesa que mais lucrou em 2009 foi a fabricante de água mineral e bebidas Wahaha, com 8,78 bilhões de iuanes.

Em termos de faturamento, a maior companhia privada da China é a metalúrgica Jiangsu Shagang, seguida pela Suning, uma distribuidora de aparelhos elétricos (eletrodomésticos e telefones celurares), e pela fabricante de computadores Lenovo.

Leia mais notícias sobre lucro

Siga as notícias do site EXAME sobre Mundo no Twitter

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.