Chile tem talento para avançar no Mundial, diz Bachelet

Seleção do país vai enfrentar dois dos favoritos do torneio na fase de grupos

Santiago - A seleção chilena tem talento de sobra para avançar no Mundial, apesar de ter de enfrentar dois dos favoritos do torneio na fase de grupos, disse nesta terça-feira a presidente do país, Michelle Bachelet.

O Chile jogará no Grupo B contra a Espanha, campeã do mundo, a Holanda, finalista de 2010, e a Austrália.

"O desafio é grande. Sabemos que nos coube um grupo difícil, mas vocês têm talento de sobra. Agora é preciso demonstrar no campo", disse a presidente durante uma visita ao centro de treinamento da equipe.

Bachelet confirmou, além disso, que assistira à partida inicial de "La Roja" contra a Austrália em 13 de junho, em Cuiabá.

"Gosto de futebol (...), esta equipe me entusiasma, este Mundial me entusiasma", disse a presidente depois de receber como presente uma camisa do atacante Alexis Sánchez, uma das estrelas da equipe.

Cinco dias depois de enfrentar a Austrália, o Chile jogará com a Espanha no Rio de Janeiro e, no dia 23, com a Holanda, em São Paulo. Como despedida antes de viajar ao Brasil, a seleção chilena, dirigida pelo argentino Jorge Sampaoli, fará um amistoso com a Irlanda do Norte na quarta-feira na cidade de Valparaíso.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.