Cameron diz estar acompanhando operações no teatro Apollo

O teto do teatro desabou ontem e deixou mais de 80 feridos

Londres - O primeiro-ministro britânico, David Cameron, afirmou que está "constantemente atualizado" sobre o acidente ocorrido ontem no teatro Apollo, em Londres.

"Estou sendo constantemente atualizado sobre o caso. Reconheço a necessidade de uma rápida intervenção dos serviços de emergência e socorro aos feridos", escreveu Cameron em seu perfil no Twitter.

O teto do Apollo Theatre, no centro da capital inglesa, desabou durante a exibição do espetáculo "O Estranho Caso do Cachorro Morto".

Uma testemunha contou que ouviu o barulho de algo se despedaçando antes do desabamento, ocorrido às 20h15 (18h15 no horário de Brasília).

De acordo com a Scotland Yard, 88 pessoas ficaram feridas no acidente, sendo sete em estado grave. Não há registro de mortos.
Um porta-voz do teatro definiu o acidente como "chocante e inquietante".

A polícia, porém, afirmou que, até o momento, não há indícios de que o desabamento tenha sido criminoso. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.