Autor de atentado se envolveu com salafismo e já foi vigiado

Apesar de passado suspeito, o homem, identificado como Yassine Salhi, original de Saint-Priest, na periferia de Lyon, não tinha antecedentes criminais

Saint-Quentin-Fallavier - O suposto autor do atentado nesta sexta-feira em uma fábrica em um complexo industrial perto de Lyon foi vinculado a movimentos salafistas e vigiado pelos serviços de inteligência de 2006 a 2008.

No entanto, o homem, identificado como Yassine Salhi, de 35 anos e original de Saint-Priest, na periferia de Lyon, não tinha antecedentes criminais, informou o ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também