Ameaças à comunidade judaica são horríveis e dolorosas, diz Trump

Na segunda, ao menos dez centros ligados à comunidade judia tiveram de ser evacuados por ameaças de bomba

O presidente Donald Trump classificou nesta terça-feira de "horríveis e dolorosas" as crescentes ameaças à comunidade judaica nos Estados Unidos, em declarações feitas durante uma visita ao Museu Nacional Afro-Americano.

A visita ao museu, afirmou o presidente, "nos recorda por que temos de lutar contra o ódio e a intolerância em todas as suas formas. As ameaças antissemitas contra nossa comunidade judia e centros comunitários são horríveis e dolorosas".

Na segunda, ao menos dez centros ligados à comunidade judia tiveram de ser evacuados em diversos pontos do país ante ameaças de bomba.

Durante o fim de semana, ao menos 100 lápides de um cemitério judeu em Saint Louis, Missouri, foram vandalizadas, conforme denunciou o diretor dessa entidade.

Trump disse então que os episódios constituem "uma triste recordação de todo o trabalho que ainda temos pela frente para nos livrarmos do ódio, dos preconceitos e da maldade".

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.