Cerveja SOL agora é produzida com energia solar no Brasil

A mudança reafirma o posicionamento da marca, “Taste the Sun”, que conecta os consumidores com a força positiva do astro-rei

A partir deste mês os consumidores da cerveja SOL vão notar uma novidade na embalagem: a assinatura “produzida com energia solar”. A marca mexicana de cerveja premium, que faz parte do Grupo HEINEKEN, agora tem produção nacional abastecida com energia de fonte solar, em ambas as fábricas que produzem a SOL (Ponta Grossa, no Paraná, e Jacareí, em São Paulo).

A mesma assinatura é utilizada em inglês, como Brewed by the Sun, já que a cervejaria de Zoeterwoude, na Holanda, onde a SOL também é feita com energia solar, distribui a bebida para diversos países, como Reino Unido, Austrália, África do Sul, Alemanha, Finlândia e Espanha.

A iniciativa reforça o posicionamento da marca, Taste the Sun, que propõe conectar as pessoas à energia positiva do Sol em todos os sentidos. O astro-rei é o coração da SOL: está no nome, na herança mexicana, na cor dourada da bebida e agora no seu processo de fabricação.

Segundo Ornella Vilardo, gerente de sustentabilidade do Grupo no país, o uso de fontes renováveis também integra a estratégia de sustentabilidade do Grupo HEINEKEN no pilar intitulado Drop the C, que trabalha na redução da emissão de CO₂ ao longo da cadeia produtiva.

Nas metas globais, a projeção é, até 2030, atingir 70% do consumo de energia provido de matrizes renováveis e diminuir 80% das emissões de CO₂ da produção. No Brasil, que é um ponto estratégico do negócio, a meta é utilizar energia renovável – elétrica e térmica – na produção de todas as suas cervejarias até 2023. Para isso, o Grupo tem implementado vários projetos relevantes no país, como esse que mudou o abastecimento energético da produção da SOL.

Menos emissão de CO

Outras recentes ações do Grupo no Brasil para reduzir a produção de gases de efeito estufa são:

  • O uso de energia elétrica 100% renovável nas cervejarias de Jacareí (SP), Araraquara (SP), Ponta Grossa (PR) e Alagoinhas (BA)
  • A cervejaria de Ponta Grossa, com seu investimento em caldeiras de biomassa, coleciona uma série de resultados positivos e atualmente é considerada uma das mais sustentáveis da HEINEKEN no mundo no que se refere à redução de CO₂
  • O parque eólico no Ceará, inaugurado no ano passado. Localizado no município de Acaraú, é o maior parque eólico próprio da HEINEKEN no mundo, com capacidade de geração de 112 MWh. Com isso, são mais de 12 mil toneladas de CO a menos no meio ambiente por ano, equivalentes a 400 mil árvores plantadas e emissões de aproximadamente 16.600 automóveis.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também