• AALR3 R$ 20,12 -0.89
  • AAPL34 R$ 65,22 -3.11
  • ABCB4 R$ 16,77 -3.29
  • ABEV3 R$ 13,88 -1.84
  • AERI3 R$ 3,64 -1.62
  • AESB3 R$ 10,71 0.09
  • AGRO3 R$ 30,61 -0.75
  • ALPA4 R$ 20,31 -2.07
  • ALSO3 R$ 19,07 -0.16
  • ALUP11 R$ 26,71 0.41
  • AMAR3 R$ 2,37 -2.87
  • AMBP3 R$ 29,46 -3.54
  • AMER3 R$ 23,08 -0.04
  • AMZO34 R$ 65,31 -2.41
  • ANIM3 R$ 5,36 -2.72
  • ARZZ3 R$ 80,05 -1.42
  • ASAI3 R$ 15,70 1.62
  • AZUL4 R$ 20,73 -2.40
  • B3SA3 R$ 11,94 1.10
  • BBAS3 R$ 36,66 2.69
  • AALR3 R$ 20,12 -0.89
  • AAPL34 R$ 65,22 -3.11
  • ABCB4 R$ 16,77 -3.29
  • ABEV3 R$ 13,88 -1.84
  • AERI3 R$ 3,64 -1.62
  • AESB3 R$ 10,71 0.09
  • AGRO3 R$ 30,61 -0.75
  • ALPA4 R$ 20,31 -2.07
  • ALSO3 R$ 19,07 -0.16
  • ALUP11 R$ 26,71 0.41
  • AMAR3 R$ 2,37 -2.87
  • AMBP3 R$ 29,46 -3.54
  • AMER3 R$ 23,08 -0.04
  • AMZO34 R$ 65,31 -2.41
  • ANIM3 R$ 5,36 -2.72
  • ARZZ3 R$ 80,05 -1.42
  • ASAI3 R$ 15,70 1.62
  • AZUL4 R$ 20,73 -2.40
  • B3SA3 R$ 11,94 1.10
  • BBAS3 R$ 36,66 2.69
Abra sua conta no BTG

Taurus (TASA4) tem lucro de R$ 195 mi no 1T22, alta de 186,3%

A Taurus é a maior vendedora de armas curtas do mundo, superando tradicionais empresas americanas, detendo a liderança absoluta do mercado.
 (Getty Images/Ethan Miller/Getty Images)
(Getty Images/Ethan Miller/Getty Images)
Por Carlo CautiPublicado em 10/05/2022 19:30 | Última atualização em 10/05/2022 20:09Tempo de Leitura: 2 min de leitura

A Taurus (TASA4) divulgou nesta terça-feira (10) seu resultado do primeiro trimestre de 2022.

A Taurus registrou uma receita operacional líquida de R$ 676,6 milhões, alta de 22,8% na comparação com o primeiro trimestre de 2021, quando tinha sido de R$ 551,1 milhões.

O mercado externo se confirma o mais importante para a Taurus, com R$ 483,7 milhões de faturamento, alta de 19,5% em relação ao mesmo período do ano passado.

Segundo a Taurus, "o mercado de armas nos EUA está mudando em relação ao que foi visto nos últimos dois anos, quando a demanda atingiu patamares nunca vistos no maior mercado mundial e, portanto, também o principal mercado para os nossos produtos. Estamos observando o início de um processo de acomodação no mercado"

A fabricante gaúcha de armas salientou como os indicadores da demanda nos EUA apontam para um arrefecimento, ainda que mantendo patamar superior ao observado nos anos anteriores ao grande “boom” vivido em 2020.

Assim, depois da demanda sem precedentes em 2020 e ainda bastante forte em 2021, o mercado em 2022 se mostra estável e mais competitivo, com os distribuidores formando estoques de produtos".

Entretanto, o mercado brasileiro registrou uma alta maior, de 31,8%, chegando aos  R$192,9 milhões.

Lucro líquido da Taurus (TASA4)

O lucro líquido da Taurus foi de R$ 195 milhões, alta de 186,3% na comparação anual. No mesmo período de 2021 tinha sido de R$ 68,1 milhões.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) foi de R$ 242,2 milhões, alta de 37,8% em relação aos R$ 175,7 milhões registrados no ano passado.

A dívida líquida foi de R$ 198,3 milhões, queda de 70,2% em relação aos R$ 665,7 milhões registrados no mesmo período de 2021.

A Taurus salientou que já é a maior vendedora de armas curtas do mundo, considerando as tradicionais empresas americanas, detendo a liderança absoluta do mercado.

Além disso, a empresa tem o menor custo de produção do mundo no segmento, "resultado do projeto que vem sendo desenvolvido de excelência em revólveres".

A produção total de armas da Taurus, considerando as operações industriais do Brasil e dos EUA, atingiu a média de 9 mil armas por dia.

Um volume 15,4% superior ao registro no mesmo período do ano de 2021, quando a média foi de 7,8 mil unidades/dia.

O volume total produzido pela Taurus, de 574 mil unidades, superou em 16,8% o alcançado no 1T21.