Icahn avalia Apple em mais de US$1 trilhão

Carl Icahn disse que a ação da Apple deveria ser negociada a 216 dólares, e atribui um valor de mercado para a companhia de cerca de US$ 1,3 trilhão

	Tim Cook, CEO da Apple: atualmente, o valor de mercado da Apple é de cerca de US$ 700 bilhões
 (Reprodução de EXAME.com)
Tim Cook, CEO da Apple: atualmente, o valor de mercado da Apple é de cerca de US$ 700 bilhões (Reprodução de EXAME.com)
D
Da RedaçãoPublicado em 12/02/2015 às 09:28.

O investidor ativista Carl Icahn disse que a ação da Apple deveria ser negociada a 216 dólares, valor bem acima do recorde de 124,92 dólares atingido nesta quarta-feira e que atribui um valor de mercado para a companhia de cerca de 1,3 trilhão de dólares.

Atualmente, o valor de mercado da Apple é de cerca de 700 bilhões de dólares.

O valor citado por Icahn refere-se a uma relação de preço/lucro da Apple de 20 vezes. "Além disso, na medida em que a Apple introduz uma TV nos anos fiscais de 2016 ou 2017, nós acreditamos que o múltiplo de 20 vezes é conservador", disse o investidor bilionário da Apple em mensagem a seus seguidores no Twitter.

Icahn detém cerca de 53 milhões de ações da Apple avaliadas em 6,5 bilhões de dólares.