Startup de Israel cria material tão resistente quanto teia de aranha

Material imita o processo natural da aranha; entenda o porquê replicar a teia do aracnídeo é tão importante para empresas de diversos segmentos

A startup israelense Seevix, baseada em Jerusalém, afirma ter produzido fibras sintéticas de teia de aranha que são idênticas às encontradas na natureza.

A empresa foi fundada em 2014 por Shlomzion Shen e Shmulik Ittah, que basearam seu trabalho em 10 anos de pesquisa conduzida na Universidade Hebraica de Jerusalém. A empresa já levantou fundos de investidores privados em Israel, Estados Unidos, Europa e Austrália.

Recentemente, a Autoridade de Inovação de Israel informou aos fundadores que concederá uma doação para auxiliar na construção de uma instalação industrial em Israel. Agora, a Seevix está agora buscando investidores e parceiros estratégicos para levantar 10 a 15 milhões de dólares, que também seria usado para a construção, de acordo com o fundador da startup.

O objteivo é licenciar e integrar a teia de aranha como uma matéria-prima em produtos. O cofundador, Shen, afirma que a startup já tem colaborações nas áreas médica e de materiais especializados; no setor de equipamentos esportivos e na indústria de defesa, para produtos como coletes leves e resistentes à prova de balas.

 

Por que replicar teias de aranha é tão importante?

A teia de aranha é feita de proteínas que contém uma combinação única de força e elasticidade. Ela é um dos materiais mais resistentes encontrados na natureza e é cinco vezes mais forte do que um aço do mesmo diâmetro característica que a startup afirma ter replicado em suas fibras sintéticas.

Para empresas de biomateriais, criar uma teia de aranha desenvolvida artificialmente é "o santo graal", disse Jeffrey Grossman, presidente do conselho da Seevix.

Ecologicamente correta e sustentável, a teia de aranha artificial pode ser usada para:

  • Reparos de joelho e ligamento;
  • Telas cirúrgicas;
  • Implantes dentários e ortopédicos;
  • Curativos biológicos que aumentam a cicatrização de feridas;
  • Preservativos mais resistentes;
  • Materiais têxteis;
  • Cosméticos;
  • Itens para uso médico e mais.

Como foram feitas as teias de aranha artificiais?

Chamada de SVX, a teia de aranha artificial da Seevix é feita de pequenas nanofibras emaranhadas com muitos poros entre elas, semelhante a uma esponja.

A startup conta que projetou uma sequência única de DNA que, por meio de um processo de fermentação com bactérias, açúcar, fermento e água, desenvolveu um material que imita o processo natural da aranha. O processo de fermentação permite que as proteínas se montem sozinhas, da mesma forma que acontece na barriga do aracnídeo.

“A teia de aranha não parece forte porque é muito, muito fina”, disse Shen em entrevista ao jornal Times of Israel. “Mas se você pegar a teia de aranha e torná-la do diâmetro de um lápis, provavelmente pararia um Boeing 747 durante o voo. É muito forte.”

De acordo com o cofundador da Seevix, Shlomzion Shen, os poros podem ser carregados com todos os tipos de ingredientes ativos, que são encapsulados e depois gradualmente liberados. Isso significa que é possível combinar a resistência da teia com outros materiais, criando algo "significativamente mais forte, leve e fino".

“Temos um processo de automontagem espontâneo semelhante ao processo da natureza. Por isso, não precisamos inventar a natureza, precisamos apenas imitar a natureza ”, disse Shen. “Ao imitar o processo da natureza, geramos na verdade um produto com as características da teia de uma aranha real. Se você tentar fazer isso artificialmente, ligando e forçando uma proteína a outra, não obterá essas características incríveis.”

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.