Feira discute desafios do setor logístico e de transportes

O evento terá 150 conferências especializadas e trará todas as novidades para o setor em 2015

São Paulo – A Feira Internacional de Logística, Transporte de Cargas e Comércio Exterior “Intermodal South América 2015”, que começa amanhã, terça-feira, em São Paulo, reunirá durante três dias especialistas, empresários e representantes de governos para debater e analisar as novidades e os desafios do setor.

Considerada o maior evento do setor logístico e de transportes nas Américas e um dos principais do mundo, a 21ª edição da feira é vista como “uma plataforma estratégica para a geração de novos negócios”, afirmaram os organizadores.

Na feira brasileira, além de 150 conferências especializadas, estarão expostas as novidades em serviços e sistemas de transporte, logística de cargas, serviços para o comércio exterior, tecnologia da informação, segurança, maquinário e equipamentos para portos e terminais de carga.

O centro de exposições Transamérica também será o espaço para o fortalecimento das relações comerciais e de cooperação logística entre Espanha e Brasil, que busca fomentar a expansão dos portos espanhóis na América Latina.

Segundo o órgão público espanhol Portos do Estado, um dos participantes da feira, o Brasil “é um dos países de mais importância para os espanhóis em trânsito de mercadorias marítimas”, por ser responsável por 98% da troca comercial entre os dois países.

O Brasil, além disso, tem um “grande potencial de crescimento no comércio exterior” e tornou-se um foco chave para o desenvolvimento do Plano Estratégico de Internacionalização da Economia Espanhola 2014-2015.

De acordo com os números oficiais brasileiros, o comércio bilateral em 2014 foi de US$ 7,165 bilhões, com superávit de US$ 655 milhões para a Espanha. O país é um dos principais emissores de investimento estrangeiro direto no Brasil, que é, por sua vez, a principal porta de saída dos produtos latino-americanos para a Espanha.

A Portos do Estado, secretaria vinculada ao Ministério de Fomento, que coordena a gestão de 28 autoridades portuárias, terá pela primeira vez nesta feira um estande institucional que dará apoio aos portos para que possam fazer encontros comerciais e promover o tráfego de contêineres e suas plataformas logísticas.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.