Novo braço robótico funciona sem implante cerebral

Novo modelo está ligado ao cérebro e não necessita de cirurgia

São Paulo – Atualmente, para controlar um robô apenas com a mente, existem duas opções viáveis. A primeira seria obter um implante cerebral e, nesse caso, o controle sobre o robô seria leve e recorrente. A segunda opção é uma possível cirurgia, cujas possibilidades de ser arriscada – e cara – são altas.

Porém, uma equipe da Universidade Carnegie Mellon (CMU), Estados Unidos, está diminuindo a distância entre essas duas opções. O primeiro braço robótico não invasivo controlado pela mente foi desenvolvido pelos pesquisadores. O produto possui o movimento contínuo e suave, anteriormente reservado apenas para sistemas que envolviam implantes cerebrais. Essa mudança científica coloca a população um passo mais perto de um futuro onde todos poderão usar a mente para controlar a tecnologia ao redor.

Em um artigo publicado na revista Science Robotics, os pesquisadores descrevem como eles utilizaram uma combinação de técnicas de sensoriamento e aprendizado de máquina para criar uma interface cérebro-computador (BCI) capaz de alcançar sinais no cérebro de participantes por meio de EEG – monitoramento eletrofisiológico das atividades cerebrais.

Para testar o braço, os participantes tiveram que apontar para um cursor enquanto ele se movia pela tela do computador. O braço robótico foi capaz de rastrear continuamente o cursor em tempo real sem movimentos bruscos – um primeiro estímulo para um sistema BCI não invasivo.

Embora grande parte do foco em robôs controlados pela mente se concentre em pessoas com distúrbios do movimento ou paralisia, o pesquisador da CMU, Bin He, prevê um futuro em que a tecnologia é onipresente, beneficiando a população como um todo.

“Este trabalho representa um passo importante nas interfaces cérebro-computador não-invasivas, uma tecnologia que um dia pode se tornar uma tecnologia assistiva abrangente que ajuda a todos, como os smartphones“, disse He, em comunicado.

Veja, abaixo, um vídeo de como a criação de Bin He e sua equipe funciona:

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.