Novembro de 2019, o segundo mais quente em 140 anos

Segundo agência americana, a temperatura média do mundo em novembro deste ano foi 0,92°C mais alta do que a média do século XX

Novembro de 2019 foi o segundo mais quente já registrado na Terra desde 1880, depois de novembro de 2015, anunciou nesta segunda-feira a Agência Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (NOAA), confirmando outro ano de recordes de calor.

O serviço europeu Copérnico repassou uma estimativa um pouco diferente, mas confirmando a mesma tendência, e considerou que neste mês esteve entre os três meses de novembro mais quentes, junto com o de 2015 e o de 2016.

Segundo o NOAA, a temperatura média do mundo em novembro de 2019 foi 0,92°C mais alta do que a média do século XX de 12,9°C.

Mês após mês, e especialmente em julho, o ano de 2019 acumulou vários registros históricos e nessa etapa o segundo ano mais quente desde 1880, segundo os americanos. Assim, se constatou que 2016 continua sendo o mais quente em média (+ 1,01°C em comparação com a média do século XX).

A organização meteorológica mundial informou no começo de dezembro que 2019 estaria entre os três anos mais quentes registrados desde 1850 e que encerra uma década de “calor excepcional”.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.