Estudo mostra que sintomas do coronavírus aparecem em cinco dias

Doença tem período de incubação parecido com o da sars, outro coronavírus que foi contido em 2004

São Paulo — Um estudo realizado por pesquisadores do Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health, dos Estados Unidos, mostra que cinco dias é o tempo médio para a aparição de sintomas do Covid-19, conhecido como novo coronavírus da China.

No estudo, foram avaliados dados de 181 casos da doença e constatado que 97,5% das pessoas infectadas apresentaram sintomas dentro de até 11,5 dias após o contágio.

A pesquisa corrobora a recomendação de entidades de saúde e de empresas para que pessoas que tenham viajado ao exterior ou tido contato com pessoas infectadas com o covid-19 fiquem em casa por 14 dias.

O período de incubação da doença é menor do que a média dos demais coronavírus, um grupo de doenças respiratórias conhecido desde os anos 1960. No entanto, o tempo médio de cinco dias para a aparição de sintomas é semelhante ao da sars, uma síndrome respiratória aguda grave contagiosa que surgiu em 2002 e foi contida em 2004.

O covid-19 já infectou mais de 100.000 pessoas globalmente, matou mais de 4.000 e afetou a economia global.

Como mostra a reportagem de capa da Revista EXAME desta quinzena, a OCDE, clube dos países ricos, lançou um relatório que projeta que o impacto mundial do coronavírus deve devorar de 0,5 a 1,5 ponto percentual do PIB global. Trata-se de um valor de 500 bilhões a 1,4 trilhão de dólares em geração de riqueza que simplesmente deixará de existir por causa do covid-19.

Suporte a Exame, por favor desabilite seu Adblock.