Cientistas descobrem anticorpos potentes contra novo coronavírus

Anticorpos conseguiram bloquear o coronavírus em camundongos e macacos-rhesus; testes não foram realizados em humanos

Dois anticorpos humanos potentes e capazes de bloquear o novo coronavírus em camundongos e macacos-rhesus foram descobertos por cientistas dos Estados Unidos e da Alemanha.

O CoV2-2196 e o CoV2-2130, como são chamados os anticorpos, mostraram bons resultados tanto sozinhos quanto combinados contra a doença e conseguiram reduzir a carga viral, a inflamação no pulmão e a perda de peso em camundongos infectados. Nos macacos, por sua vez, os anticorpos foram capazes de impedir a contaminação pela doença.

Para os pesquisadores, "os resultados providenciam uma estrutura para o planejamento racional de vacinas e também para a seleção de imunoterapêuticos contra a covid-19." Os anticorpos humanos são mais facilmente adaptados para tratamentos ou vacinas do que os de animais, como os das lhamas, que estão sendo investigados.

A pesquisa foi publicada na revista científica Nature nesta quarta-feira, 15, e já passou por revisão de pares. O estudo ainda é pré-clínico e não foi testado em humanos.

O mundo tem 13.405.694 infectados pelo vírus e 580.552 mortes, segundo o monitoramento em tempo real da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, país que é, também, o epicentro da doença, com mais de 3 milhões de doentes e cerca de 137.000 óbitos. O Brasil é o segundo país no ranking de maiores infecções e tem 1.926.824 contaminados e 74.133 mortos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.