Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Cientistas alemães fazem ratos paralisados voltar a andar

Através da engenharia genética, os ratos paralisados voltaram a andar em até 3 semanas

Uma equipe de cientistas na Alemanha conseguiu restaurar a capacidade de andar em ratos paralisados, permitindo que eles voltassem a andar mesmo após uma lesão na medula espinhal.

A equipe da Ruhr-Universität, em Bochum, desenvolveu uma proteína de sinalização "designer" que foi injetada no cérebro dos ratos. A proteína fez com que as células nervosas se regenerassem e 'compartilhassem a receita' para produzir mais proteínas.

De acordo com publicação da New Atlas, lesões da medula espinhal são as mais incapacitantes. As fibras nervosas danificadas, ou axônios, não conseguem se regenerar e não transferem sinais entre o cérebro e os músculos, causando paralisia nos membros inferiores.

Neste estudo, publicado na Nature, os cientistas repararam os axônios danificados com uma proteína chamada hIL-6 ou hiperinterleucina-6. É um tipo sintético de um peptídeo de ocorrência natural, ajustado para ativar a regeneração das células nervosas.

Com a injeção, os neurônios motores perto da área da cabeça começaram a produzir hIL-6, ativando a regeneração axonal de várias células nervosas no cérebro e de tratos motores na medula espinhal. Entre duas e três semanas, os ratos voltaram a andar.

Ratos antes e depois do estudo Fotos de um dos ratos antes e depois

Fotos de um dos ratos antes e depois (Lehrstuhl für Zellphysiologie/Reprodução)

“Esta é uma chamada citocina projetada, o que significa que não ocorre na natureza e deve ser produzida por meio de engenharia genética”, disse Dietmar Fischer, um dos autores do estudo.

Por mais surpreendente que seja o resultado, os autores do estudo alertam que este ainda é só o começo. O próximo passo é examinar se os mesmos resultados serão obtidos semanas após os ratos serem lesionados, ao invés de imediatamente após, como foi o caso deste primeiro estudo.

Já para a aplicação em humanos, eles afirmam que "não será por muitos anos" ou possivelmente nunca.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também