Rafael Nadal desiste do US Open de Tênis por causa da pandemia

Atual campeão e Roger Federer serão as principais ausências em Nova York

O número dois do mundo, o espanhol Rafael Nadal, não vai disputar o US Open, em Nova York (Estados Unidos) este ano, programado para começar no dia 31 de agosto. Preocupado com o descontrole da pandemia do novo coronavírus, o atual campeão do torneio preferiu abrir mão da disputa. Nadal justificou a desistência com uma sequência de mensagens no Twitter, na noite de ontem (4). Além de Nadal, o US Open também não contará com o multicampeão Roger Federer, que no último dia 10 de junho, anunciou que ficará fora das quadras este ano, devido à recuperação de uma cirurgia no joelho direito.

“Depois de muitas reflexões, decidi não jogar o US Open deste ano. A situação é muito complicada em todo o mundo, os casos do covid-19 estão aumentando, parece que ainda não temos controle sobre isso”, sustentou Nadal. Mas adiante, o espanhol admitiu: “esta é uma decisão que eu nunca quis tomar, mas decidi seguir meu coração desta vez e, por enquanto, prefiro não viajar”.

Devido à pandemia, o circuito mundial de tênis foi paralisado em março. A retomada está prevista para o próximo dia 14 de agosto, com o ATP 500 Citi Open, em Washington (EUA). O US Open seria o primeiro Grand Slam após o retorno.

“Sabemos que o calendário de tênis reduzido é bárbaro este ano, depois de quatro meses parado sem jogar, eu entendo e agradeço pelos esforços que estão envidando para que isso aconteça. Acabamos de ver o anúncio de Madri não sendo disputado este ano”, disse Nadal a respeito do reinício do circuito.

Esta é a primeira vez, nos últimos 21 anos, que um Grand Slam não contará com dois expoentes do esporte, No último domingo (3), o australiano Nick Kyrgios também adiantou que não participaria do torneio norte-americano. Entre as tenistas, a única desistência já confirmada é a da australiana Ashleigh Barty.  O número um do mundo, o sérvio NovaK Djokovic, ainda não confirmou presença do US Open deste ano.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.