Novo Porsche 911 começa a ser vendido no Brasil

Lançado no ano passado, modelo pode ser comprado por até R$ 699.000

São Paulo - O novo Porsche 911, que foi lançado mundialmente no ano passado, no Salão de Frankfurt, começa a ser vendido no Brasil a partir deste sábado.

A Stuttgart Sportcar, importadora oficial da marca, inicialmente disponibilizará a versão Carrera S, nas configurações cupê e conversível, ao preço de R$ 639.000 e R$ 699.000, respectivamente. Em relação à geração anterior, isso representa um aumento de quase 30%.

O modelo manteve o visual quase inalterado, mas sua mecânica mudou bastante: quase 90% das peças são novas ou receberam algum tipo de melhoria.

O novo Porsche 911 Carrera S tem motor de 3,8 litros com 400 cv de potência e, quando equipado com câmbio automatizado de sete marchas e dupla embreagem, pode chegar a 302 km/h. A aceleraração de 0 a 100 km/h acontece em 4,1 segundos.

A versão conversível agora conta com capota rígida revestida de lona, que caprichosamente reproduz as linhas da carroceria do cupê.

Segundo Marcel Visconde, presidente da Stuttgart Sportcar, a expectativa é de vender 65 unidades ainda em 2012, sendo 50 da versão cupê. "O comprador do 911 tem grande apreço pela tradição e história do modelo, mas também aguarda com expectativa cada renovação de sua tecnologia", diz.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.