Ferrari é muito popular? Conheça o modelo exclusivo criado para cliente de Taiwan

Nova SP51 tem desenho feito sob encomenda e motor V12 de 800 cv; pintura foi desenvolvida especificamente para o carro
Modelo foi desenhado pelo Centro Stile Ferrari, na Itália (Ferrari/Divulgação)
Modelo foi desenhado pelo Centro Stile Ferrari, na Itália (Ferrari/Divulgação)
G
Gabriel AguiarPublicado em 28/09/2022 às 17:35.

Você sabia que a Ferrari limita a produção para garantir a exclusividade da marca – e que isso já está previsto até para o SUV recém-apresentado Purosangue? Mas existe uma alternativa para quem não quer correr qualquer risco de dividir a garagem com outro carro igual: encomendar modelos one-off. E assim que nasceu a nova SP51, feita sob encomenda para um cliente de Taiwan.

VEJA TAMBÉM

Com desenho assinado pelo Centro Stile Ferrari (sob direção do projetista italiano Flavio Manzoni) e com base emprestada da 812 GTS, a nova SP51 tem motor V12 6.5 com 800 cv de potência e câmbio automático de dupla embreagem com sete marchas. Esse é a receita que permite chegar a 100 km/h em apenas 3 segundos, enquanto a velocidade máxima declarada é de 340 km/h.

Ferrari SP51

Plataforma e motor vieram emprestados do modelo 812 GTS (Ferrari/Divulgação)

Ainda que a inspiração tenha vindo da clássica Ferrari 410 S, da década de 1950, essa versão one-off tem personalidade própria e até detalhes exclusivos, como faróis e silhueta do teto. Todo o desenho foi elaborado em conjunto com túnel de vento e simulações virtuais para garantir boa aerodinâmica, principalmente porque o teto foi removido para garantir uma silhueta de roadster.

Ferrari SP51

SP51 não teve teto para garantir estilo de roadster (Ferrari/Divulgação)

E até mesmo a cor – batizada Rosso Passionale – foi criada especialmente para a SP51, com camadas triplas para garantir mais destaque ao vermelho. Do passado veio a listra azul e branca que atravessa toda a carroceria e dá ainda mais contraste às peças de fibra de carbono preta. Por fim, as rodas têm acabamento tone-on-tone diamantado e também foi projetada com exclusividade.

É verdade que praticamente não há mudanças na cabine em relação à 812 GTS, mas o revestimento foi totalmente repensado para bancos e parte dos painéis, que agora têm camurça sintética (do tipo Alcantara) com costuras azuis e brancas. Detalhe: o preço dessa novidade não foi relevado, só que a Ferrari Portofino M, modelo mais barata à venda aqui, custa 3,55 milhões de reais.

Ferrari SP51

Interior recebeu revestimento exclusivo (Ferrari/Divulgação)

Conheça a newsletter da EXAME Casual, uma seleção de conteúdos para você aproveitar seu tempo livre com qualidade