Ferrari apresenta o primeiro veículo SUV em 75 anos; veja fotos

O Purosangue é o primeiro carro de quatro portas e quatro lugares nos 75 anos de história da montadora italiana
Purosangue, o primeiro carro de quatro portas e quatro lugares nos 75 anos de história da montadora italiana.  (Ferrari/Divulgação)
Purosangue, o primeiro carro de quatro portas e quatro lugares nos 75 anos de história da montadora italiana.  (Ferrari/Divulgação)
J
Julia Storch

Publicado em 14/09/2022 às 12:17.

Última atualização em 14/09/2022 às 12:25.

A Ferrari revelou ontem (13) o Purosangue, o primeiro carro de quatro portas e quatro lugares nos 75 anos de história da montadora italiana.

O lançamento possui diferenças em comparação com crossovers e SUVs, onde o motor é montado na parte dianteira do carro, quase que dobrando o eixo dianteiro, com a caixa de câmbio presa diretamente a ele. Segundo a montadora, este layout possui uma distribuição de peso menos otimizada que proporciona dinâmica.

Assim, o Purosangue tem o motor na frente com a caixa de câmbio na traseira para criar um trem de força esportivo. Além disso, o chassi possui um teto de fibra de carbono para reduzir o peso e o centro de gravidade.

A cabine possui quatro bancos com aquecimento. Os bancos dianteiros tem opção de massagem. (Ferrari/Divulgação)

A cabine possui quatro bancos com aquecimento. Os bancos dianteiros tem opção de massagem. Já o porta-malas é o maior já visto em uma Ferrari e os bancos traseiros se dobram para aumentar o espaço de bagagem.

Pela primeira vez, os proprietários da Ferrari têm a possibilidade de personalizar o teto de seu carro, optando por um teto de vidro eletrocrômico completo ao invés da versão padrão de fibra de carbono. O vidro é revestido em sua superfície inferior com uma película eletro-sensível. Quando uma pequena corrente elétrica é passada através do filme, ele muda seu nível de tonalidade para inundar a cabine com a luz solar ou fornecer sombra quando necessário.

Visão traseira do "Purosangue". (Ferrari/Divulgação)

O veículo possui um sensor de qualidade do ar que pode verificar o ar fora do carro e melhorar a qualidade na cabine controlando inteligentemente a recirculação do ar e usando filtros que impedem a entrada de partículas até PM2.5 no carro.

Pela primeira vez, o carro também oferece compatibilidade com o Android Auto e Apple CarPlay como padrão. Estes substituem o tradicional sistema de navegação integrado.

O desempenho do veículo também não ficaria de fora, com 0-100 km/h em 3,3s e 0-200 em 10,6s e motor V12 aspirado de Maranello, com 725 cv de potência.

A sustentabilidade também está presente no desenvolvimento do novo veículo. 85% dos estofos do carro foram produzidos de forma sustentável: o forro do tecido do teto é feito de poliéster reciclado, o tapete é feito de poliamida reciclada de redes de pesca recuperadas dos oceanos e Alcantara, recentemente formulado, também derivado de poliéster reciclado.

Conheça a newsletter da EXAME Casual, uma seleção de conteúdos para você aproveitar seu tempo livre com qualidade.