Casual
Acompanhe:

Conhecemos o "chef meme" Salt Bae, o novo embaixador da Marfrig

O cozinheiro turco que soma 30,5 milhões de seguidores no Instagram foi a estrela de um evento organizado pela companhia nesta quinta, 8, no Palácio Tangará

 (Simon Hofmann - FIFA/FIFA/Getty Images)

(Simon Hofmann - FIFA/FIFA/Getty Images)

D
Daniel Salles

9 de outubro de 2020, 18h43

Dá para descrever o chef turco Nusret Gökçe, mais conhecido como Salt Bae, como uma mistura do Johnny Depp com o Dr. Rey. A semelhança com o ator se deve ao formato do rosto, ao bigode, ao cavanhaque e ao corte de cabelo. Já o porte atlético, as roupas justíssimas e o quê de canastrão, além da fome insaciável pelos holofotes, o aproximam do cirurgião plástico que ganhou fama na TV. Mas nem Depp nem Rey viraram memes (por mais que um deles se esforce para isso).

O turco conquistou a façanha com um gestual usado para salgar as carnes com a mão direita. Lembra um espasmo, é verdade, mas que absolutamente ninguém é capaz de esquecer. É executado, em geral, ao fim de uma breve dancinha, na qual gestos teatrais com a faca, o espeto e cortes pantagruélicos, como o tomahawk, não podem faltar. Com a ajuda da faca ele também costuma servir a carne diretamente na boca de algumas pessoas.

Sócio da rede de churrascarias Nusr-et Steakhouse, com 15 unidades em vários países, Gökçe já repetiu seu show incomparável para celebridades como Lionel Messi e Leonardo DiCaprio — até Nicolás Maduro se deixou entreter por ele. Alçado a chef meme, Bae apareceu em um episódio da série Billions e conquistou 30,5 milhões de seguidores no Instagram.

Salt Bae e Marcos Fernando Marçal dos Santos, gerente-geral da Marfrig, no ápice do evento, no Palácio Tangará (Divulgação/Divulgação)

Ele desembarcou em São Paulo nesta semana a convite da Marfrig, que o contratou como embaixador global. O objetivo da companhia com a parceria é evidente: tornar a marca mais conhecida em diversos países para os quais ela exporta — em vários deles, Salt Bae é mais conhecido que o inglês Jamie Oliver, por exemplo.

Durante a temporada paulistana, o turco entreteu convidados da Marfrig no restaurante A Figueira Rubaiyat, visitou a Fazenda Churrascada e um frigorífico da marca e gravou comerciais que logo, logo vão ao ar. E, nesta quinta, 8, foi a estrela de um grande evento organizado pela companhia num dos salões do Palácio Tangará.

Com a pandemia ainda chamuscando, há que se registrar que a Marfrig brincou com fogo ao reunir dezenas de convidados para um jantar similar ao de um casamento (entre os presentes, desde clientes e influenciadores, até Tallis Gomes, fundador do Easy Taxi, e Bruno van Enck, fundador da Barbearia Corleone). O evento foi precedido por um coquetel em pé, durante o qual todo mundo se agrupou em pequenas rodas e abandonou as máscaras. No jantar, grandes mesas redondas reuniram pessoas que não necessariamente se conheciam.

Salt Bae em evento da Marfrig no Palácio Tangará, nesta quinta, 8 (Divulgação/Divulgação)

Sem máscara, que nem deve ter levado para o evento, Bae deu as caras na hora do jantar escoltado por um tradutor, embora quase nada tenha dito. De óculos escuros, camisa branca e terno azul bem acinturado, juntou multidões pelo caminho para fotografias ombro a ombro do começo ao fim da noite — para ter uma selfie com ele, quase ninguém optou por vestir a própria máscara.

No ápice do evento, Bae subiu ao palco ao lado de Marcos Fernando Marçal dos Santos, gerente-geral da Marfrig (ele é filho do fundador da companhia, Marcos Antonio Molina dos Santos, também presente). Com uma música apoteótica como trilha sonora, o turco convidou o segundo para fatiar um tomahawk banhado a ouro. “No good, no good”, repetiu, teatralmente, enquanto Marçal cumpria sua tarefa aos risos (sim, nada de máscaras no palco).

Ato contínuo, para o delírio de boa parte dos presentes, o chef salgou o corte como de hábito. Pouco depois voltou aos holofotes para enaltecer o fundador da Marfrig, chamado ao palco. Teatralmente, como não poderia deixar de ser, tirou o próprio relógio do pulso e deu de presente a Molina. Talvez vire um novo meme.

 

De 0 a 10 quanto você recomendaria Exame para um amigo ou parente?

Clicando em um dos números acima e finalizando sua avaliação você nos ajudará a melhorar ainda mais.