William Waack é afastado pela Globo após comentário racista

Segundo a emissora, a suspensão do apresentador será mantida "até que a situação seja esclarecida"

São Paulo — O apresentador do Jornal da Globo, William Waack, foi afastado pela TV Globo nesta quarta-feira, 08, após um vídeo em que o jornalista faz comentários racistas viralizar na internet. Segundo a emissora, a suspensão será mantida "até que a situação seja esclarecida".

No vídeo, momentos antes de ir ao ar para a cobertura das eleições norte-americanas de 2016, Waack se mostra incomodado com o som de buzinas que começam a ser ouvidas da rua: "Tá buzinando por quê, seu merda do cacete? Não vou nem falar porque eu sei quem é", ele diz. Logo depois, olhando para o entrevistado, ele fala em voz baixa: "É preto. É coisa de preto."

Em nota, a Globo diz que "é visceralmente contra o racismo em todas as suas formas e manifestações. Nenhuma circunstância pode servir de atenuante".  A emissora diz ainda que, a partir de amanhã, iniciará conversas com o apresentador para decidir  os próximos passos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.