Tebet inicia campanha na casa de Teresa e Candido Bracher

Casal é ligado ao banco Itaú; 40 representantes do setor da Cultura também compareceram
Simone Tebet: candidata inicia campanha com setor da Cultura na casa de Teresa e Candido Bracher (Jefferson Rudy/Agência Senado/Flickr)
Simone Tebet: candidata inicia campanha com setor da Cultura na casa de Teresa e Candido Bracher (Jefferson Rudy/Agência Senado/Flickr)
E
Estadão ConteúdoPublicado em 16/08/2022 às 11:53.

A candidata à Presidência da República pelo MDB, Simone Tebet, começou sua campanha em evento com cerca de 40 representantes do setor da Cultura na residência do casal Teresa e Candido Bracher ligados ao Banco Itaú, no bairro Alto de Pinheiros, na capital paulista. "Entrei nesta campanha porque não vou desistir do Brasil", disse Tebet.

Quer saber tudo sobre a corrida eleitoral? Assine a EXAME por menos de R$ 0,37/dia e fique por dentro.

A candidata afirmou que está confiante com a melhora de seu nome na preferência do eleitorado. "Sei que temos condições de chegar ao segundo turno. A campanha começa hoje", disse.

Tebet destacou que, se eleita, irá retomar o Ministério da Cultura, extinto no governo Jair Bolsonaro e transformado em secretaria. "É um setor que gera emprego e pode alavancar a economia do Brasil", completou.

A anfitriã Teresa Bracher disse que além de o Brasil ter fome, de fato, o País tem "fome de cultura". "Ela pode reconstruir o Brasil, essa polarização intestina está fazendo muito mal ao País", afirmou Teresa, que também acredita que o jogo eleitoral pode virar, pois a campanha eleitoral está apenas começando.

Entre os presentes neste primeiro evento de campanha, estão o diretor executivo da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, Marcelo Lopes; o presidente da Fundação Bienal, José Olímpio da Veiga Pereira; o diretor de relações institucionais da Pinacoteca de São Paulo, Paulo Vicelli, e o pianista e maestro Marcelo Bratke.