A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Embratur quer turistas mesmo depois da Copa

Flávio Dino, novo presidente do instituto, tem como meta continuar atraindo estrangeiros após o fim do evento

Brasília – Com a meta de atrair mais turistas estrangeiros para o Brasil até 2020, assumiu hoje (29) o cargo de presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur) o ex-deputado federal Flávio Dino. “Minha meta é atrair milhares de turistas ao Brasil, antes, durante e depois da Copa do Mundo de 2014. E, para isso, teremos muito trabalho a ser realizado juntamente com todos os órgãos do governo”, disse Dino ao tomar posse.

O novo presidente da Embratur lembrou que o Brasil já é o destino líder da América do Sul, posição conquistada, segundo ele, graças ao Plano Aquarela, “que é o grande instrumento do turismo”. Segundo Dino, com os eventos esportivos mundiais sediados no país em 2014 (Copa do Mundo) e em 2016 (Olimpíadas) e uma política perene de atração de turistas vindos do exterior, a economia será beneficiada com a geração de 5 milhões de empregos.

Flávio Dino é juiz federal há 12 anos, foi secretário-geral do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil. Em 2006, filiado ao PCdoB, elegeu-se deputado federal pelo Maranhão.

Além do ministro do Turismo, Pedro Novais, que deu posse ao novo presidente da Embratur, estiveram na cerimônia os ministros da Defesa, Nelson Jobim, e da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, Moreira Franco.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também